Os dados que introduziu estão incorrectos.

A sua conta ainda não está activa. Verifique o seu email para obter o link de confirmação.

Login/Registo

Leilões

Antiguidades e Obras de Arte, Pratas e Jóias

Leilão 69 | 27 Jun, 21H00  28 Jun, 21H00  
Lote 585    |   2ª Sessão - 28 Jun

Excepcional par de candelabros de nove lumes Belle-Époque, LEITÃO & IRMÃO

Estimativa:

€ 12.000 - 18.000

Valor de Martelo:

Registe-se para aceder à informação

Descrição:

Em prata portuguesa, ca. 1900
Excepcionalmente cinzelados ao gosto rocaille com concheados, volutas, motivos vegetalistas e arquitectónicos; nas bases com putti brincando e grinaldas em vulto perfeito
Recipientes para as velas destacáveis
Contraste Javali I de Lisboa (1887-1937), marca de ourives Leitão & Irmão, 1º Título e assinados Leitão & Irmão
(sinais de uso, algumas roscas com defeitos)

Alt.: 56 cm
15116 g

Categoria:

Pratas

Notas:

Executados pelos joalheiros da coroa por volta de 1900, o desenho deste par de candelabros é, senão mesmo saído da mão do próprio Columbano Bordalo Pinheiro, muito inspirado nos projectos para a baixela Barahona, possivelmente a obra mais impressionante da Leitão & Irmão.
As semelhanças entre os candelabros agora oferecidos para venda e os da baixela desenhada por Columbano em 1894 e cinzelada por Augusto Luiz de Sousa, ajudado por Francisco Inácio Cardoso, são evidentes.
É muitíssimo raro surgirem no mercado peças de ourivesaria portuguesa com esta dimensão e qualidade.
João Júlio Teixeira, GD